Mistress Charlotte Prodomme Dominatrix Fetiches BDSM & Podolatria Based in São Paulo - SP & Viagens

F.A.Q – Perguntas Frequentes

Quais as práticas favoritas da Mistress Charlotte?

Sou muito fetichista e realmente ligada nesse lado visual. Adoro couro, vinil, látex, spandex, lingeries e vestidos, sou aficionada por botas, scarpins e sandálias de salto para compor o meu estilo tanto no dia-a-dia como durante a sessão.

Com relação as minhas práticas favoritas são: Podolatria, Servidão, Mobiliário Humano, Facesitting, Castidade, Eletrochoque, Orgasm Control, Cuckold, Tease and Denial, Dominação Psicológica, Inversão de papéis, Feminização (Sissy / Crossdresser), Shibari, Pet Play, Breath Control, Velas, Spanking, CBT, Nipple Tortura, Tapas na cara, Privação de sentidos, Humilhação Verbal, Money Slave, Mumificação, Cócegas, Chuvas prateada e dourada, Asfixia, Smoking Fetish.

Quais as práticas que não realiza?

Nada relacionado a agulhas, cortes, sangue, luta mista, facefarting, zoofilia, scat, age play, marcas permanentes.

Não posso tirar fotos de nenhum tipo, isso é um problema para a Mistress Charlotte?

Todas as minhas fotos são consensuais, e de forma alguma é obrigatório tirar qualquer tipo de foto durante a sessão. Os submissos que consensualmente permitem os registros, são sem mostrar o rosto ou para registro pessoal dele mesmo.

Qual o valor da sessão? É possível negociar?

O valor da sessão varia muito com o horário, dia, práticas… Mas inicia no valor médio de 500/hora. Não é possível negociar, porém para os submissos que me servem com frequência e possui um contato real como sendo minha posse exclusiva, existem valores mais flexíveis e até mesmo mensal.

Quais as medidas tomadas para uma sessão de feminização?

Primeiro existe uma conversa por e-mail onde consigo identificar se o perfil é mais para tímida ou atrevida, entre outras características que eu observo, assim posso definir qual a conduta que irei adotar para treiná-la e o estilo de se vestir. Além claro das informações sobre o tipo físico: altura, peso, quanto calça, tom da pele, etc.

Uma combinação para mim bem interessante em uma sessão de feminização seria: Sissy + Dominação Psicológica + Inversão de papéis + Tease and Denial + Castidade + Bondage + Cuckold + Orgasm Control + Humilhação Verbal + Servidão + Mobiliário Humano + Pet Play + Chuva Prateada + Tapas na cara. Se for bem masoquista não pode faltar também: Spanking, Eletrochoque, CBT e Velas.

A Mistress Charlotte realiza sessão em troca de favores ou sem valor do tributo?

Não realizo sessões sem tributo. Com o passar do tempo se o escravo for escolhido por mim para me servir com maior frequência, os valores das sessões podem variar e serem reduzidos em um valor mensal e presentes, para que assim ele possa me servir SEMPRE.

Posso gozar na sessão?

É possível sim mas se eu assim quiser e da forma que eu desejar, geralmente com a auto-masturbação ao final da sessão.

É possível acontecer sexo durante a sessão?

Comigo? Não é comum nem pré-determinado. Se eu resolver te usar como meu brinquedinho sexual será muita sorte da sua parte. Pra isso prefiro os alfas… o sexo que o escravo merece é sendo passivo e eu usando o meu belo strap-on. Ou implorando para deixar que se masturbe, ou outras formas que eu julgar divertidas e interessantes pra mim.

Sou iniciante como proceder?

Comece por tentar se conhecer ao menos um pouquinho, pesquise, assista a vídeos, devore o meu site para conhecer onde está pisando e principalmente seja objetivo. Dúvidas pertinentes é uma coisa, gente a toa me fazendo perder tempo, é outra coisa.

Como agendar uma sessão com a Mistress Charlotte?

Acesse o link a seguir e descubra: https://mistress-charlotte.com/agendar-sessao/

Há quanto tempo se considera Dominadora?

Desde a adolescência, notava em meus relacionamentos com namoradinhos como parte dominante da relação, em um relacionamento mais sério sentia desejos de amarrá-lo, provocá-lo, gostava e pedia que ele beijasse meus pés e mãos, e ele topava. E segui sem entender tudo isso até buscar informações na internet, onde conheci pessoas do meio, comecei a frequentar festas/ encontros fetichistas e montei um blog onde passei a compartilhar fotos consensuais das minhas experiências e artigos interessantes sobre BDSM.

Como e a quanto tempo se tornou Dominadora Profissional?

O Blog começou a ter muitos compartilhamentos através de redes sociais, foi aos poucos ganhando relevância nas pesquisas do Google e eu já tinha muitos pedidos de submissos querendo me servir, me presentear…  e pensei: porque não? O blog virou site, passei a analisar e escolher os escravos de acordo com as minhas preferências e a cobrar o tributo para as sessões. E isso aconteceu entre 4 e 5 anos atrás.

Realiza sessões com homens e mulheres?

Sim, homens, mulheres e casais.

A Mistress Chalotte aceitaria ser dominada numa sessão?

Não.

Te atrae mais ser uma dominadora fria, cruel e sádica ou o perfil de uma Domme mais carinhosa e atenciosa?

Uma coisa não exclui a outra, sou cruel e sádica, sou carinhosa do meu jeito Domme de ser, no sentido do “morde e assopra”. Isso ao meu ver torna a entrega do submisso mais intensa e completa, aumenta a confiança, e a sessão toma um curso naturalmente mais gostoso.

Realiza sessões por dinheiro ou por prazer?

Novamente, uma coisa não exclui a outra.

Quais as suas medidas e idade?

Idade: 31 anos.
Altura: 1,70 mts.
Peso: 60 kg.
Busto: 80 cm.
Quadril: 89 cm.
Cintura: 64 cm.
Cor dos Olhos: Castanhos

Que número calça?

37

Como posso presentear a Mistress Charlotte com algum mimo? Como faço?

Consulte diretamente comigo a minha Lista de Desejos e direi como proceder.

Podemos apenas Jantar juntos?

Sim porém considero esse tipo de convite, uma sessão. Pois envolve claramente servidão, me levar para jantar onde eu irei escolher e sobre os meus comandos. Ou seja, existe também um valor do tributo.

Realiza viagens, como funciona?

Todas as despesas por conta do escravo + um valor por dia da viagem. Caso o escravo seja exclusivo. Outra forma é o escravo que manifesta o interesse e me convida, paga apenas todas as despesas para no mínimo 4 dias (não há cobrança do valor diário), onde deixo agenda aberta para sessão com outros escravos também.

Onde são realizadas as sessões?

Em motéis, hotéis da minha preferência ou num apartamento na região central de São Paulo (av 9 de Julho, 571 Bela Vista). Não se trata (ainda) de uma Dungeon nem da minha casa. E sim um apartamento cedido por uma submissa a depender dos horários.

%d blogueiros gostam disto: