Crossdresser Pony training – Prodomme Session

TODAS AS FOTOS E GRAVAÇÕES SÃO CONSENSUAIS!! NÃO SÃO OBRIGATÓRIAS DURANTE A SESSÃO!

Foi uma ótima noite, a Domme V. combinamos de treinarmos a Crossdresser dela, a prática central escolhida foi poney play, para nos divertirmos com a Priscilla Cross! Óbvio que assim como a maioria dos fetiches no Universo BDSM nunca vem sozinho e sim acompanhado de uma ou mais práticas, a depender das preferências de todos envolvidos.

Nesse caso, rolou também inversão, dominação psicológica, tease and denial, humilhação verbal, feminização e fisting.

** PONEY PLAY DEFINIÇÃO: O pônei é uma atividade de BDSM que envolve dramatização de papéis com um participante desempenhando o papel de pônei e seu patrono atuando como seu cavaleiro ou treinador. O foco do pônei é o tratamento do pônei, das ações do pônei e do estado mental do pônei, em vez de parecer um pônei. O pônei é frequentemente de duas pernas. Gags bit, freios, botas hoove, selas, chicotes, arreios e rabos de butt estão disponíveis para completar o visual pônei. Aos desavisados, em nada tem haver com a prática de zoofilia.

Fonte: https://www.kinkly.com/definition/6188/pony-play

 

 

 

 

Priscila Cross aprendeu a trotar e quando foi do nosso interesse e diversão rebolou como o de costume, ao nosso olhar muito atento

 

Pony Play, Dog Play, Facesitting, Feet Worship, Humilhation

Perspectiva do escravo. Em algumas sessões terei junto com as fotos (que são SEMPRE consensuais), relatos dos escravos contando a sua experiência em me servir. Eu particularmente adorei essa sessão, já virou escravo em treinamento. Mistress Monique também esteve presente, em breve também as fotos dela!

It was a wonderful afternoon waiting for my mistress. She came with her friend Monique, and the first thing she order to me is to go to the ground and lick her feet, then Monique’s feet too.
I loved when they decided to seat and talk each other while I was cleaning their shoes with my tongue.
Sometimes they used my head like a foot stool.
Of course they used me like a ponyboy, a chair, they trampling me like a carpet crushing my face with their full weight.
It was two hours of total domination using me like a real slave.
I enjoyed a lot and to serve her again very soon.